GIDEÕES 2012, O POVO DE DEUS DIRECIONADO AO SUL DO BRASIL | 2016 - Gideões Missionários da Ultima Hora - Tv Gideões- GMUH

CHAT PARCEIRO

OS GIDEÕES NÃO SE RESPONSABILIZA PELAS MENSAGENS ESCRITA NO CHAT
XAT - COPIE E COLE EM SEU SITE/BLOG

GIDEÕES 2012, O POVO DE DEUS DIRECIONADO AO SUL DO BRASIL

Os GMUH nasceram no final da década de 70, com uma visão que Deus deu ao Pr. Cesino Bernardino (Presidente da Ass. De Deus e dos Gideões Missionários da Última Hora). A cidade de Camboriú (60 mil habitantes) transforma-se nos dias festivos dos Gideões, pois recebe entre 180 a 200 mil visitantes. Desde o sábado 21 de abril Camboriú mudou: trânsito, moradores, comércio, prefeitura, etc. A igreja vive e revive momentos de um manancial do Espírito Santo. Cada preletor traz consigo a sua característica de pregar e Deus opera de uma forma especial. Os GMUH sempre se congratulam na mesma pequena cidade de Camboriú. Já não mais na igreja sede, porque não comporta as milhares de pessoas, mas esse povo fica repartido entre o Ginásio Municipal Irineu Bornhausen e o Pavilhão dos Gideões. São 11 dias de cultos festivos, com dezenas de preletores distribuídos entre manhã, tarde e noite, simultaneamente, nos dois locais e com centenas de muitos cantores. E “Gideões: Unidos há três décadas na Evangelização do Mundo” é o tema-chave do aniversário de trinta anos de congresso dos Gideões Missionários da Última Hora. Na quinta feira 26, foi a entrada oficial no grande ginásio; além da presença de Deus, estiveram presentes muitas autoridades, entre elas o governador do estado de Santa Catarina, Raimundo Colombo (PSD), que comentou: “Fiquei muito feliz em estar neste dia de abertura oficial dos GMUH podendo abraçar a todos, e pelo reconhecimento desta obra, em ver como esse encontro repercute no nosso Brasil. Que privilégio saber e ver esse milagre da multiplicação de missionários. É muito bom vir a Camboriú, ver essa coreografia, as apresentações, de uma forma tão espetacular; constatar que o Pr. Reuel Bernardino segue os passos de um pai sábio. Bem-vindo a todos ao nosso estado, e muito obrigado ao Senhor Jesus por estar aqui; eu também sou um homem de fé. Parabéns a nossa prefeita Luzia Coppi Mathias, que de tão bom grado sempre nos comenta sobre este grande congresso. Só posso dizer ‘Deus nos abençoe sempre’ ”. A prefeita municipal Luzia Coppi Mathias descreveu em seu curto mas proveitoso discurso: “Pr. Cesino, sempre acompanhado de sua esposa Elba, cumprimentando o senhor, estou estendendo o bem-vindo a todos os gideonitas do Brasil e do mundo. Meus sinceros parabéns ao meu amigo Pr. Reuel e sua esposa Geani Bernardino, que seguem os passos de um grande pai. Ao nosso governador de Santa Catarina, Raimundo Colombo, parabenizo e agradeço por seu apoio a esta grande festa do povo do Brasil. Posso dizer às autoridades do Legislativo, Executivo e eclesiástico que ‘Feliz a nação cujo Deus é o Senhor’, e ‘quando o justo governa o povo se alegra’. Somos felizes por sermos a capital catarinense de missões”. “A entrada oficial foi um espetáculo”, comenta Dep. Kennedy Nunes (PSD-SC), autor do projeto de lei que transformou a cidade de Camboriú em Capital Catarinense de Missões. “Pela graça de Deus e a ajuda dos afiliados mantemos até o dia deste congresso 1.275 famílias missionárias, fornecemos em média 8.500 refeições diárias a professores e alunos nas escolas do sertão nordestino do Brasil, no Haiti, Cuba, Angola, Colômbia, Índia e muitos outros lugares. Deus tem nos alertado muito sobre investimentos nas áreas da educação; com ela podemos inserir a palavra de Deus aos alunos e familiares. Ganhar almas é nosso primeiro objetivo, mas a obra social segue junto. Também temos 34 embarcações motorizadas na região amazônica, inclusive o barco-clínica que atende na área de odontologia, tratamento médico, vacinas e tratamentos na enfermagem”, detalhou Pr. Cesino Bernardino. “Passam os anos e aqui estamos festejando ‘Bodas de Pérolas’, sendo este o 30º Encontro Internacional de Missões dos G.M.U.H.”, comenta Pr. Reuel Bernardino (vice-presidente). A organização do evento conta com uma equipe entre 800 a 900 pessoas para que tudo corra da melhor maneira possível. Fazemos a transmissão integral dos cultos, desde bem cedo até o último amém, através das emissoras de rádios dos Gideões: Rádio Voz Missionária em ondas curtas de 25 – 31 – 49 metros, bem como outras emissoras que voluntariamente acessam o site www.gideoes.com.br e obtém o sinal, seja ele em áudio ou em vídeo. Este ano as transmissões estão revolucionando com as redes sociais, sendo via IPad – IPhone – Celulares com sistema Android – Black Berry, etc. Dessa forma, esses acessos ocorrem na seguinte proporção: 77% são dos Estados Unidos da América, 12% Brasil, 6% Espanha, 5% Rússia e Holanda. Ao final do evento teremos uma listagem completa de quantos acessos obtivemos por todos os meios de comunicação, ligados e coligados. Por: Pr. Claudinei Nunes Imprensa GMUH

Seguidores